0

Compartilhe este conteúdo |

Pré-estreia "Amor, Paris e Cinema"
O ator e diretor francês Arnaud Viard apresentou sua comédia Amor, Paris e Cinema na última sexta-feira no Reserva Cultural de Niterói – RJ. O evento fez parte das comemorações do 14 de julho -  Queda da Bastilha, data nacional da França, e além de filmes, trouxe gastronomia e música ao centro cultural.  

Muito simpático e acessível, Viard assistiu ao filme com o público e depois respondeu perguntas da plateia. Afirmou que embora se trate da história de um diretor na busca de realizar seu segundo filme, Amor, Paris e Cinema não é totalmente autobiográfico, ainda que contenha situações que ocorreram em sua vida. Disse ainda que foi um grande prazer trabalhar com ótimas atrizes, como Irène Jacob e Louise Coldefy e outras. Distribuído pela Fênix, o longa deve estrear em agosto.

A festa continuou no sábado, com a presença de chefs franceses e brasileiros oferecendo iguarias francesas, como macarons, ostras, cassoulet e quiches, além de vinhos. Ao longo do dia, a música ficou por conta da francesa Valerie Lu, do pianista e acordeonista niteroiense Marcos Nimrichter, do carioca DJ MAM (em dupla com o violinista francês Nicolas Krassik) e do sambista Marquinhos de Oswaldo Cruz. Fechando a noite, uma sessão do filme Saint Amour, na Rota do Vinho, dos diretores Benoît Delépine e Gustave Kervern. Em seguida, houve um coquetel de vinhos e queijos, acompanhada da palestra “Vinho & cinema”, de Marcelo Copello. O encerramento, no domingo, foi com À Sombra de Duas Mulheres, dirigido por Philippe Garrel.


O Cinema está na Rede e também no Twitter O Cinema está na Rede e também no Facebook

Postar um comentário

 
Top