0

Compartilhe este conteúdo |

Cena do filme "Muitos Homens Num Só"Um ladrão sedutor e astucioso, que via sua atividade como uma espécie de arte, e que só deixa de ser eficiente quando descobre o amor. Isso é o que conta Muitos Homens Num Só, filme de estreia da diretora Mini Kerti e que tem no elenco Vladimir Brichta, Alice Braga e Caio Blat. Vencedor de dez prêmios no Cine PE - Festival do Audiovisual, traz uma proposta original e bem-sucedida ao misturar ficção e realidade em um filme de época com pegada policial e romântica.  

Baseado na obra do jornalista e escritor João do Rio, o longa conta a história de Artur Antunes Maciel, conhecido como Dr. Antonio (Brichta), um ladrão habilidoso que se hospeda em hotéis do Rio de Janeiro do início do século XX para realizar furtos. Num desses golpes, se apaixona por Eva (Braga), casada com o ganancioso e machista Jorge (Pedro Brício). No encalço do criminoso está Félix Pacheco (Blat), que testa novas técnicas de identificação, para incredulidade do jornalista Paulo Barreto (Sílvio Guindane) que, como parte da população carioca, passa a admirar a habilidade do gatuno. 

"Muitos Homens Num Só": mistura bem-sucedida de ficção e realidade para contar uma história policial e romântica


Muitos Homens Num Só merece ser visto por diversas razões. Primeiro, traz para o grande público o trabalho de João do Rio, cronista do Rio de Janeiro, que retratou de forma irônica a sociedade carioca dos primeiros anos do século XX. O roteiro de Leandro Assis e Nina Crintzs ainda introduz outros personagens além daqueles descritos em Memórias de Um Rato de Hotel, conto que serviu de base, e até vultos históricos reais, como Félix Pacheco. 

Poster do filme "Muitos Homens Num Só"Segundo, foi realizado com grande rigor técnico, tendo cenografia, direção de arte, fotografia e trilha sonora extremamente bem cuidados. Um dos destaques é a cuidadosa escolha de locações, que inclui o Theatro Municipal, o Museu Nacional, a Confeitaria Colombo e outros lugares belíssimos do Rio de Janeiro, valorizando o patrimônio histórico da cidade. Além disso, cada set de filmagem foi preparado nos mínimos detalhes, com objetos e mobiliário de época, adicionando ainda mais encanto e contribuindo para o clima geral da narrativa. A fotografia trabalha de maneira criativa o gênero policial. O diretor musical Dado Villa-Lobos acertou ao optar por uma sonoridade moderna, porém adequada. 

Terceiro, o elenco está bem afinado, Como protagonista, Vladimir Brichta demonstra grande versatilidade, ao assumir diversas facetas, como exige seu complexo personagem. Alice Braga interpreta Eva com leveza e graça. O experiente Caio Blat, como sempre, apresenta segurança e ótima interação com Sílvio Guindane, outro jovem veterano do cinema nacional, que faz o alter-ego de João do Rio com . O uruguaio César Trancoso tem um papel relativamente pequeno, mas fundamental na história, e ele o faz de forma marcante. Ainda há a participação especial de Luís Carlos Mièle.

Por Gilson Carvalho

Nota 9



Ficha Técnica

Muitos Homens Num Só – 90 min.
Brasil – 2015
Direção: Mini Kerti
Roteiro: Leandro Assis, Nina Crintzs
Elenco: Vladimir Brichta, Alice Braga, Caio Blat, Pedro Brício, Silvio Guindane, César Trancoso, Luís Carlos Miéle

Estreia: 25/06 




Compartilhe este conteúdo |

O Cinema está na Rede e também no Twitter O Cinema está na Rede e também no Facebook

Postar um comentário

 
Top