0

Compartilhe este conteúdo |


Cena do filme "Sex Tape - Perdido Nas Nuvens"
Sexo é um tema que Hollywood pouco explora e, quando o faz, é com excessivo moralismo. Sex Tape – Perdido Nas Nuvens tenta apimentar as coisas, mas fracassa.  Apesar da originalidade da idéia e da sensualidade da protagonista Cameron Diaz, a comédia de Jake Kasdan não é tão excitante quanto poderia ser.

Blogueira de sucesso, Annie (Diaz) constata que após anos casada com Jay (Jason Segel), sua vida sexual já não é tão satisfatória como costumava ser no início do relacionamento.  Além da falta de tempo e do cansaço, parece que a magia se foi. Como ambos admitem que gostam de assistir a pornografia, têm a ideia de fazer seu próprio vídeo pornô caseiro. Na empolgação do momento, Jay não apaga o vídeo que, ao invés disso, acaba indo parar na “nuvem”, podendo ser acessado por qualquer pessoa, inclusive seus amigos e colegas de trabalho. A partir daí, eles correm para evitar que a amadora, mas animada produção surja nas telas alheias. 

"Sex Tape - Perdido Nas Nuvens" tem pouco sexo e muita correria, sem chegar lá


Poster do filme "Sex Tape - Perdido Nas Nuvens"Se a premissa inicial é boa, o desenvolvimento do roteiro nem tanto; quem distribuiria tablets de presente para os amigos, como faz Jay? Embora se trate de um filme sobre sexo, há pouca nudez – no máximo a parte traseira do casal. Fala-se muito sobre o assunto, mas até a linguagem é bem cuidada para não ter problemas com a censura.

Mas, o maior problema é a falta de química entre o casal principal, a despeito da beleza e sensualidade de Cameron Diaz, que já se mostrou à vontade em comédias em que mostra o corpo, como Professora Sem Classe  (2011), do mesmo diretor e Tudo Para Ficar Com Ele (2002). Jason Segel, que também não brilha nas sequências de humor físico – Jay é perseguido por um cachorro feroz e é chantageado por um moleque. Faltam tramas e personagens secundários – os poucos que surgem até trazem alguma graça, como Rob Lowe e Jack Black, mas suas participações funcionam quase como esquetes. 

No fim, vencem o recato e a família. Perdem a comédia e a diversão. E pior, triunfa o mercado - que limita a criatividade e a ousadia e ainda fatura através de merchandising pra lá de desinibido, muito mais que o fogoso casal. 

Por Gilson Carvalho

Nota 5



Ficha Técnica

Sex Tape – Perdido nas Nuvens (Sex Tape)  - 97 min.
EUA – 2014
Diretor: Jake Kasdan
Roteiro: Kate Angelo, Jason Segel, Nicholas Stoller
Elenco: Cameron Diaz, Jason Segel, Rob Cordry, Ellie Kemper, Rob Lowe, Nat Faxon, Jack Black

Estreia: 21/08

Compartilhe este conteúdo |

O Cinema está na Rede e também no Twitter O Cinema está na Rede e também no Facebook

Postar um comentário

 
Top