0





Poster do filme "A História da Eternidade"
A História da Eternidade foi o grande vencedor do 6º Festival de Paulínia. Ganhou os troféus de melhor filme, diretor (Camilo Cavalcante), ator (Irandhir Santos) e atriz (dividido entre Marcélia Cartaxo, Zezita Matos e Debora Ingrid), além do prêmio da crítica. Casa Grande, de Fellipe Barbosa venceu nas categorias roteiro (Fellipe Barbosa Karen Aztajnberg), ator coadjuvante (Marcelo Novais), atriz coadjuvante (Clarissa Pinheiro) e Prêmio Especial do Júri.

Castanha e Aprendi a Jogar Com Você, Sinfonia da Necrópole e Boa Sorte  ganharam apenas um prêmio cada: som, montagem, trilha sonora e direção de arte, respectivamente.

Entre os curtas, o grande vencedor foi O Clube, que levou quatro dos seis prêmios: melhor filme, melhor direção, prêmio do público e prêmio da crítica. O Bom Comportamento ganhou o prêmio especial do júri e  Edifício Tatuapé Mahal,  o de melhor roteiro.

LISTA COMPLETA DA PREMIAÇÃO

Filmes de longa-metragem

Melhor Filme: A HISTÓRIA DA ETERNIDADE, de Camilo Cavalcante
Melhor Direção: CAMILO CAVALCANTE, por A História da Eternidade 
Melhor Ator: IRANDHIR SANTOS, por A História da Eternidade
Melhor Atriz: MARCÉLIA CARTAXO, ZEZITA MATOS E DEBORA INGRID, por A História da Eternidade
Melhor Ator coadjuvante: MARCELLO NOVAES, por  Casa Grande
Melhor Atriz coadjuvante: CLARISSA PINHEIRO, por Casa Grande
Melhor Roteiro: FELLIPE BARBOSA E KAREN SZTAJNBERG, por Casa Grande
Melhor Fotografia: MAURO PINHEIRO JÚNIOR, por Sangue Azul
Melhor Montagem: EVA RANDOLPH, por Aprendi a Jogar com Você
Melhor Som: THIAGO BELLO por Castanha
Melhor Direção de arte: CLAUDIO AMARAL PEIXOTO, por Boa Sorte
Melhor Trilha Sonora: JULIANA ROJAS, MARCO DUTRA E RAMIRO MURILO, por Sinfonia da Necropole
Melhor Figurino: JULIANA PRYSTHON, por Sangue Azul
Especial Júri: FELLIPE BARBOSA, por Casa Grande

Filmes de curta-metragem

Melhor filme: O CLUBE, de Allan Ribeiro
Melhor Direção: ALLAN RIBEIRO, por O Clube
Melhor Roteiro: CAROLINA MARKOWICZ E FERNANDA SALLOUM, por Edifício Tatuapé Mahal
Especial Júri: O BOM COMPORTAMENTO, de Eva Randolph
Prêmio do Público
Melhor longa-metragem: BOA SORTE, de Carolina Jabor
Melhor curta-metragem: O CLUBE, de Allan Ribeiro

JÚRI ABRACCINE – Associação Brasileira de Críticos de Cinema

Melhor longa-metragem: A HISTÓRIA DA ETERNIDADE, de Camilo Cavalcante
Melhor curta-metragem: O CLUBE, de Allan Ribeiro


O Cinema está na Rede e também no TwitterO Cinema está na Rede e também no Facebook

Postar um comentário

 
Top