0

Compartilhe este conteúdo |


Cena do filme "Lunchbox"Quem identifica o cinema indiano apenas com Bollywood - aqueles musicais extravagantes com dezenas de figurantes executando intricadas coreografias ao redor dos grandes astros, que dublam, dançam e representam, vai  se surpreender com Lunchbox. Escrito e dirigido por Ritesh Batra e estrelado por Irrfan Khan (de Quem Quer Ser Milionário? e  O Mundo de Pi), é uma história de amor terna e amarga, ou agridoce, como muitos pratos da cozinha daquele país. 

E é exatamente através da comida que Saajan (Khan) e Ila (Nimrat Kaur) se aproximam.  Em Mumbai, Ila tentar reconquistar seu marido Rajeev (Nakul Vaid)  através das receitas fornecidas por sua vizinha. Apesar da reconhecida eficiencia do Dabawallah, o centenário sistema de entrega de refeições, o almoço enviado por Ila a Rajeev acaba na mesa de trabalho de Saajan, que reclama do excesso de sal e estabelece assim um contato com a esforçada aprendiz de cozinheira. 

Viúvo, solitário, à espera da aposentadoria, Saajan começa a se interessar pela responsável pela comida que recebe todos os dias, o que também estimula Ila a esmerar-se cada vez mais. Ao mesmo tempo permite a aproximação de Shaik (Nawazuddin Siddiqui), que ele imagina ser seu substituto na empresa de seguros. 


"Lunchbox": solidão e sabor num mundo distante de Bollywood


Poster do filme "Lunchbox"Grande nome do cinema indiano, Khan oferece mais uma interpretação precisa, contida, perfeita, enquanto Kaur traz sensualidade = não do modo convencional, que fique claro. Ainda há um toque cômico com o excelente Siddiqui. Com as relações entre os três personagens, mais a própria cidade de Mumbai com seus ruídos e imagens, o drama se alterna entre melodrama e realismo sem pender demais para nenhum dos lados. 

Se falta originalidade ao roteiro - romances epistolares, ou seja, mediados por cartas - não são exatamente novos; vide Nunca Te Vi, Sempre Te Amei, de David Jones (1987) e a versão mais moderna em Men@agem Pra Você, de Nora Ephron (1998), entre outros, há um certo charme derivado da honestidade e da falta de pretensão de Lunchbox.  Em seu longa metragem de estreia, o diretor Batra consegue estabelecer um ótimo contraponto entre a agitação da grande metrópole e a suave relação entre dois de seus habitantes, mostrando que às vezes não é preciso muito barulho para chamar a atenção.

Por Gilson Carvalho


Nota 8



Ficha Técnica

Lunchbox (Dabba) - 104 min.
Índia/Austrália/Reino Unido - 2014
Direção: Ritesh Batra
Roteiro: Ritesh Batra
Elenco: Irrfan Khan, Nimrat Kaur, Nawazuddin Siddiqui

Estreia 20/03


Compartilhe este conteúdo |

O Cinema está na Rede e também no Twitter O Cinema está na Rede e também no Facebook

Postar um comentário

 
Top