0

Compartilhe este conteúdo |


Cena do filme "O Conselheiro do Crime"O diretor americano Ridley Scott (Prometheus) reuniu um elenco de peso para seu novo projeto, O Conselheiro do Crime, uma trama que trata das conseqüências enfrentadas ao trair os cartéis de drogas, seja diretamente ou não. Michael Fassbender (Shame) vive o conselheiro do título do filme, que conta ainda com Penélope Cruz (vencedora do Oscar por Vicky Cristina Barcelona), Cameron Diaz (O Que Esperar Quando Você Está Esperando), Javier Bardem (vencedor do Oscar por Onde os Fracos Não Têm Vez) e Brad Pitt (O Homem que Mudou o Jogo).

David (Michael Fassbender) é um advogado que leva uma vida dupla profissionalmente. Ao mesmo tempo em que faz seu trabalho como advogado de defesa, também ajuda nos esquemas de Reiner (Javier Bardem), um traficante com gostos caros – isso fica visível em seus dois guepardos de estimação – e uma namorada excêntrica, Malkina (Cameron Diaz). Visando seu futuro com Laura (Penélope Cruz), a mulher por quem é apaixonado, David decide entrar para a mais nova empreitada de Reiner, que envolve um carregamento de drogas vindo do México. O intermediador deles é vivido por Brad Pitt.
           
Porém, eles não são os únicos de olho nessa encomenda. Após um dos funcionários do cartel encarregado de transportar a “chave” eletrônica do veículo com as drogas ser achado sem a cabeça, a culpa cai sobre David e seus parceiros, uma vez que foi ele quem soltou o rapaz morto como favor para uma de suas clientes. As conseqüências dessa injusta traição serão severas.

Em "O Conselheiro do Crime", o grande destaque é o elenco 

          
Poster do filme "O Conselheiro do Crime"
As expectativas sobre o filme eram grandes devido ao elenco renomado e ao diretor premiado, mas ele decepciona, não pela originalidade que é apreciada, mas pela forma que é conduzida. A história torna-se cansativa, muito pelos diálogos rebuscados e extremamente metaforizados que nunca parecem chegar ao ponto. Os personagens nunca são diretos com o que querem dizer, fazendo o público ter que deduzir. Diálogos complexos são interessantes quando usados moderadamente;  em todas as cenas torna-se chato e cansativo.
            
Os atores, todos eles bem talentosos, têm atuações no ponto certo. Dito isso, a espanhola Penélope Cruz aparece apagada durante todo filme, seu personagem é mais uma participação, já que suas cenas são bem poucas. Ela faz o interesse amoroso do personagem de Michael Fassbender, que a cada filme ganha mais o respeito de Hollywood e deve trabalhar uma terceira vez com Ridley Scott na continuação de Prometheus. Cameron Diaz é outra que brilha e rouba a cena durante todo o filme. 
           
O Conselheiro do Crime não traz os motivos para o crime nem sinal de arrependimento pelos que sofrem como dano colateral, afinal são negócios e quando se trata com o crime organizado, não tem volta.

Por José Leonardo Tadaiesky

Nota 5,0


Ficha Técnica

O Conselheiro do Crime (The Counselor) – 111 min.
EUA, Reino Unido, Espanha – 2013
Direção: Ridley Scott
Roteiro: Cormac McCarthy
Elenco: Michael Fassbender, Penélope Cruz, Cameron Diaz, Javier Bardem, Brad Pitt, Richard Cabral, Rosie Perez, Andrea Deck, Sam Spruell, Toby Kebbell, Emma Rigby, Édgar Ramirez, Fernando Cayo, Natalie Dormer, Goran Visnjic

Estreia 25/10


O Cinema está na Rede e também no Twitter O Cinema está na Rede e também no Facebook

Postar um comentário

 
Top