0

Compartilhe este conteúdo |


A 15ª edição do Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (Fica) será realizada de 2 a 7 de julho em Goiás - GO, tendo como grande homenageada a poetisa Cora Coralina, que nasceu e viveu na cidade.  
A programação traz quatro mostras de cinema (Mostra Competitiva, ABD Cine Goiás, Paralela e Fica Animado), Fórum Ambiental, Fica na Comunidade, Empório Sebrae e apresentações musicais com artistas goianos e nacionais.

Para o debate sobre arte e meio ambiente, o festival terá a contribuição do jornalista André Trigueiro, que analisará o papel do cinema e Sá e Guarabyra falarão da música e fazem um show na sequência. Além disso, a jornalista e ambientalista Paula Saldanha faz parte do júri oficial da Mostra Competitiva do festival.

Entre os convidados estão os cineastas Fernando Meirelles  e Kléber Mendonça Filho. Meirelles (Cidade de Deus, Ensaio sobre a Cegueira) falará sobre cinema e meio ambiente e, também, a importância das imagens para a conscientização dos graves problemas ambientais, enquanto Mendonça Filho Mendonça vai conversar com o público sobre seu filme O Som ao Redor, que será exibido antes do debate.

Também contribuirão para o debate cinematográfico no Fica o presidente da Agência Nacional de Cinema (Ancine), Manoel Rangel, que vai falar sobre políticas para o cinema e o audiovisual que estão sendo implantadas pela Ancine, e o professor da Universidade de São Paulo (USP) Rubens Machado que discutirá o processo de análise fílmica e participa de laboratórios de cinema.

O festival também terá apresentações culturais: no 5, sexta-feira,  a companhia de dança Quasar comemora 25 anos apresentando seu mais recente espetáculo, No Singular; no dia 6, sábado, será a vez de Arnaldo Antunes e no dia 7, domingo, o cantor e compositor Paulinho da Viola encerrará a programação. Além disso, 20 artistas goianos se apresentarão ao longo de todo o evento.

Uma novidade será a neutralização de todas as emissões de gases de efeito estufa, através da metodologia de carbono equivalente, com títulos de carbono quantificado no Cerrado e Floresta Amazônica.


Mais informações: http://fica.art.br

Compartilhe este conteúdo |

O Cinema está na Rede e também no Twitter O Cinema está na Rede e também no Facebook

Postar um comentário

 
Top