0

Compartilhe este conteúdo


Tese Sobre Um Homicídio, de Hernán Goldfrid, é um thriller competente com um desfecho bastante insatisfatório.  Baseado em um romance de Diego Paszkowski e protagonizado por Ricardo Darín, grande nome do cinema argentino atual, poderia ser excelente, caso não fosse tão esquemático e tivesse um final mais interessante.
                      
Roberto Bermudez (Darín) é um advogado especializado em direito criminal e professor na Faculdade de Direito de Buenos Aires. Uma noite, é surpreendido pelo assassinato de uma moça no estacionamento no campus da universidade. Embora afastado das atividades advocatícias, Bermudez não resiste à tentação de investigar o crime, que em pouco tempo se transforma em uma obsessão. Um aluno brilhante, Gonzalo (Alberto Amman), a quem conhece desde menino, age de modo suspeito, o que coloca o veterano advogado sobre o fio da navalha. Sem provas concretas, mas com intuição e décadas de experiência, acredita na culpa do jovem. Montar os quebra-cabeça é que não parece tarefa fácil.

Policial com tintas de filme noir, Tese Sobre Um Homicídio maneja bem os elementos característicos do gênero: o chiaro-oscuro na fotografia, os gestos repetidos, as pistas e anti-pistas,a caracterização do protagonista, entre gênio e louco. Faz isso, no entanto, de maneira um tanto acadêmica, o que deixa a narrativa fria e previsível.

Ricardo Darín é como sempre competente e envolvente em sua interpretação. Encontra em Alberto Amman um antagonista à altura. É justamente nos momentos em que o segundo desafia o primeiro que o thriller atinge seus momentos mais empolgantes.  Os diálogos, excessivamente formais, quase literários, prejudicam um pouco a fruição. As questões de fundo, tais como os limites das leis e a função da justiça, ficam ofuscadas.  O ponto realmente negativo, porém, é o desfecho. Aberto a diversas interpretações, o que geralmente agrada, desta vez não funciona e pode deixar o espectador frustrado.


Por Gilson Carvalho

Nota 7




Ficha Técnica

Tese Sobre Um Homicídio (Tesis Sobre Un Homicídio) – 106 min.
Argentina - 2013
Direção: Hernán Goldfrid
Roteiro: Patricio Vega, baseado em romance de Diego Paszkowski
Elenco: Ricardo Darín, Alberto Ammann, Calu Rivero, Arturo Puig, Fabián Arenillas, Mara Bestelli, Mateo Chiarino, Antonio Ugo, Natalia Santiago e Cecília Atán, José Luis Mazza e Ezequiel de Almeida

Estreia 26/07


Compartilhe este conteúdo |

O Cinema está na Rede e também no Twitter O Cinema está na Rede e também no Facebook

Postar um comentário

 
Top