0

Compartilhe este conteúdo |



Cena do filme "Paz, Amor e Muito Mais"
Três gerações de mulheres que encaram a vida de modo diverso e têm a chance de buscar um entendimento e reforçar os laços familiares constituem a premissa da comédia dramática Paz, Amor e Muito Mais, com Jane Fonda, Catherine Keneer e Elizabeth Olsen fazem o trio protagonista.

Diane (Keener) é uma advogada de Nova York que não fala com a mãe há 20 anos. Quando seu marido Mark (Kyle MacLachlan) pede o divórcio, ela decide levar os filhos para conhecer sua mãe, Grace (Fonda), uma hippie que mora em Woodstock, que mantém o mesmo estilo de vida que fez Diane se afastar: vive da venda de artesanato e eventualmente, maconha, acredita em medicina alternativa, participa de protestos.

Inicialmente resistente, Diane acaba cedendo ao carinho da mãe, ao clima livre e fraterno da comunidade alternativa e à possibilidade de encontrar um novo amor. Zoe (Olsen), que tem um pouco da avó e um tanto da mãe,  também encontra um pretendente na figura do aprendiz de açougueiro Cole (Chace Crawford)..
                                                                                                                 

Paz, Amor e Muito Mais” trata de conflitos de gerações com clichês


Poster do filme "Paz, Amor e Muito Mais"
Responsável por Conduzindo Miss Daisy (1989), sucesso de crítica e público, o diretor Bruce Beresford não emplaca outro êxito há quase 25 anos. O longa atual não vai modificar esse quadro, já que aborda conflitos de gerações com uma narrativa repleta de clichês. A Woodstock mostrada no filme parece a mesma da época do célebre festival de rock.

Se  Paz, Amor e Muito Mais não consegue aprofundar as questões que propõe, resta apreciar o trabalho do elenco, principalmente da veterana Jane Fonda, que do alto dos seus 75 continua esbanjando charme e carisma, além do inegável talento que há décadas a consagrou.. Catherine Keener, como sempre, interpreta de maneira correta e convincente e Elizabeth Olsen desponta como uma promessa.

No time masculino, em franca desvantagem, há Chace Crawford se aventurando em um papel mais sério depois de ficar conhecido por encarnar um dos rapazes esnobes da série televisiva Gossip Girls, e o jovem Nat Wolff tentando fazer a transição de ator infantil de TV para Hollywood.  O mundo é mesmo - e cada vez mais, das mulheres.

Por Gilson Carvalho

Nota 5,5


Ficha Técnica

Paz, Amor e Muito Mais (Peace, Love and Misunderstanding) – 92 min.EUA - 2013
Direção: Bruce Beresford

Roteiro: Christina MengertJoseph Muszynski
Elenco: Catherine Keener, Jane Fonda,  Chace Crawford, Kyle MacLachlan, Elizabeth Olsen, Nat Wolff, Marissa O’Donnell Alison Ball, Ann Osmond


 Estreia 14/06


O Cinema está na Rede e também no Twitter O Cinema está na Rede e também no Facebook

Postar um comentário

 
Top