0

Compartilhe este conteúdo |

Cena do filme "O Grande Gatsby"O mais clássico dos romances norte-americanos, O Grande Gatsby, de F. Scott Fitzgerald, escrito em 1925, narra em tom doce-amargo uma história de amor que se passa em uma era de mudanças drásticas nos Estados Unidos e no mundo. A adaptação dirigida por Baz Luhrman – a quinta, com Leonardo DiCaprio no papel-título, não alcança essa dimensão devido à tendência do diretor australiano para a extravagância.  


Nick Carraway (Tobey Maguire) é um jovem aspirante a escritor que sai do centro-oeste para Nova York em busca do sonho americano.  Enquanto a inspiração para seu primeiro best-seller não vem, trabalha como corretor de ações e aluga uma casa ao lado da mansão de Jay Gatsby, em Long Island, Nova York, não muito distante de onde mora sua prima Daisy (Carey Mulligan), casada com Tom Buchanan (Joel Edgerton) um milionário de família tradicional.  Curioso a respeito do seu ilustre e misterioso vizinho, um dia é convidado para uma de suas disputadas festas. Descobre então que o interesse do magnata é se aproximar de Daisy
.

O Grande Gatsby” privilegia o aspecto visual, deixando a narrativa em segundo plano


Poster do filme "O Grande Gatsby"
Com sua estética peculiar, Baz Luhrman exagera no mis-em-scène, com cenários grandiosos, música em altíssimo volume e tipos humanos os mais diversos, num desfile um tanto sem sentido. O resultado é uma cacofonia, uma profusão de imagens e sons que por vezes chega a atordoar.  Com isso, há pouca ação, o que torna o filme uma série de situações interligadas por momentos musicais. Há duas, talvez três sequências que efetivamente contribuem para a narrativa. Por isso, o velho recurso da narração em off, feita por Carraway que, depois de algum tempo, se torna cansativa.

Um acerto foi a escalação de Leonardo DiCaprio para interpretar o o papel-título. Sem muito esforço ele transmite a ambiguidade e mistério que cerca Gatsby. O único senão é o sotaque afetado, artificial – até mesmo para um personagem que é basicamente uma criação dele próprio. Outro ator que se destaca é Joel Edgerton, com seu vigoroso Tom Buchanan. A bela e talentosa Carey Mulligan não mostra todos os conflitos que Daisy enfrenta, compondo-a mais como vítima das circunstâncias do que uma das pontas do triângulo.

Com uma técnica de 3D extremamente precisa e criativa e um primoroso trabalho de produção e figurinos de  Chaterine Martin – mulher de Luhrman, O Grande Gatsby impressiona pelo aspecto visual - e só.  Muito pouco para um drama que atravessa gerações e é saudado como um dos mais importantes da cultura norte-americana.

Por Gilson Carvalho

Nota 6



Ficha Técnica

O Grande Gatsby (The Great Gatsby) – 142 min.EUA – 2013
Direção: Baz Luhrman
Roteiro: Baz Luhrman e Craig Pearce, baseado em romance de F. Scott Fitzgerald
Elenco: Leonardo DiCaprio, Carey Mulligan, Tobey Maguire, Joel  Edgerton, Isla Ficher, Jason Clark,  Elizabeth Debicki, Amitabh Bachchan 

Estreia 07/06



O Cinema está na Rede e também no Twitter O Cinema está na Rede e também no Facebook

Postar um comentário

 
Top