0

Compartilhe este conteúdo |


Cena do filme "Oblivion"Oblivion, ficção científica estrelada por Tom Cruise e dirigido por Joseph Kosinsky, responsável também por Tron – O Legado, tem o mesmo problema que este último: muita forma e pouco conteúdo. Os cenários são esplêndidos, os efeitos especiais são de primeira, as cenas de ação bem coreografadas – e isso é praticamente tudo o que o longa oferece. O restante do elenco, Morgan Freeman incluído, serve apenas de escada para o protagonista. Não é problema do enredo – nada original mas que funcionaria bem para um filme do gênero. Porém, do jeito como foi desenvolvido, resulta em uma tentativa de mostrar que Tom Cruise ainda tem carisma suficiente para carregar uma super-produção, além de exibir o domínio técnico do diretor.

“Oblivion” se passa 60 anos depois do aniquilamento da Terra por alienígenas


Poster do filme "Oblivion"Em 2077, a Terra é um planeta deserto, depois de ter sido completamente devastada por  alienígenas em uma guerra ocorrida 60 anos antes, forçando os terráqueos sobreviventes a se mudarem para uma lua de Saturno. Jack Harper (Cruise) é um ex-mariner que permanece em uma base flutuante com sua companheira Victoria (Andrea Riseborough) a fim de garantir o bom funcionamento dos drones responsáveis pela extração de recursos minerais para a novo lar dos humanos.

Perto de terminar seu período de trabalho e ansioso por se reunir ao restante da humanidade,  Jack é surpreendido com a queda de uma nave que traz vários humanos – entre eles Julia (Olga Kurylenko) sua suposta esposa. A partir daí inicia uma luta para se lembrar do passado e de quem realmente é, e se aquela história fantástica tem algum fundamento. .

Tom Cruise parece ter uma predileção por esse tipo de personagem; Minority Report – A Nova Lei, a franquia Missão Impossível e Jack Reacher são alguns exemplos. A questão é que ele tem o mesmo tipo de interpretação em todos eles. Além disso, não demonstra o vigor físico exigido em produções repletas de ação. Também não exibe habilidade para os raros momentos que requerem certa carga dramática, Por isso, talvez,  tenha vindo ao Rio de Janeiro.para o lançamento. Quem sabe assim poderá atrair mais público aos cinemas.

Por Gilson Carvalho

Nota 6


Ficha Técnica

Oblivion – 126 min.
EUA – 2013 Direção: Joseph Kosinsky Roteiro: Joseph Kosinsk, Karl Gajdusek
Elenco: Tom Cruise, Morgan Freeman, Olga Kurylenko, Andrea Riseborough, Melissa Leo, Nicolaj Coster-Waldau



Compartilhe este conteúdo |

O Cinema está na Rede e também no Twitter O Cinema está na Rede e também no Facebook

Postar um comentário

 
Top