1
Um jovem agente da CIA precisa provar seu valor para ascender na agência, mas nada acontece no seu posto na Cidade do Cabo, África do Sul. Até que um dia sua rotina é sacudida pela chegada de um prisioneiro ilustre. Este é o enredo do thriller de espionagem Protegendo o Inimigo (Safe House), dirigido por Daniel Espinosa e estrelado por Denzel Washington e Ryan Reynolds.


Em “Protegendo o Inimigo”, Denzel Washington é o mestre e Ryan Reynolds o aprendiz


O prisioneiro em questão é Tobin Frost (Denzel Washington, de Incontrolável) e o novato, Matt Weston (Ryan Reynolds, de Lanterna Verde). Frost é um ex-agente da CIA acusado de traição e Weston é o zelador da tal casa segura do título original. Quando a instalação é atacada por desconhecidos que querem a todo custo resgatar Frost, Weston tem que protegê-lo e levá-lo às autoridades norte-americanas, um desafio e tanto se considerarmos sua inexperiência e o poderio bélico de seus perseguidores.

Embora em campos opostos, os protagonistas constroem uma relação de mestre-aprendiz, tal qual em Dia de Treinamento (Training Day), filme de 2001 dirigido por Antoine Fuqua, com Washington e Ethan Hawke nos papéis principais. Cínico e frio, Tobin tenta manipular o ingênuo Weston, que pouco a pouco vai entendendo como funcionam os mecanismos do mundo da espionagem, até se tornar imprescindível para sua fuga.

Experiente e extremamente talentoso, Denzel Washington faz qualquer papel com segurança, mas parece se sentir ainda mais à vontade em produções como esta. Ryan Reynolds, não tão rodado e ainda buscando mostrar a que veio, não se sai mal. O  elenco de apoio não poderia ter desempenho melhor: Vera Farmiga, Brendan Gleeson e Sam Shepard estão perfeitos como figurões da CIA.


África do Sul bem nas telas do cinema


Se o roteiro não apresenta grandes novidades em relação aos filmes do gênero, Protegendo o Inimigo consegue transmitir tensão suficiente para capturar e manter a atenção. O thriller traz cenas de ação muito bem encenadas, como uma vertiginosa perseguição de carro pela Cidade do Cabo, incluindo uma favela, além de uma sequência de pancadaria tão realista que causaria inveja em lutadores de vale-tudo.

Uma novidade é a escolha da bela cidade sul-africana – muito bem fotografada, diga-se, como cenário. Mais uma mostra de que os países emergentes, como o Brasil,  Rússia, China e a própria África do Sul são mesmo a aposta de Hollywood para continuar amealhando polpudos lucros.

Por: Gilson Carvalho
Nota: 7






Ficha Técnica

Protegendo o Inimigo (Safe House) – 115 min
EUA, África do Sul – 2012
Direção: Daniel Espinosa
Roteiro: David Guggenheim
Elenco: Denzel Washington, Ryan Reynolds, Vera Farmiga, Brendan Gleeson, Sam Shepard, Patrick Wilson, Ruben Blades, Nora Arnezeder 

Estreia: 16 de março

O Cinema está na Rede e também no Twitter O Cinema está na Rede e também no Facebook

Postar um comentário

  1. Gostei do filme, achei um triller de ação competente.

    ResponderExcluir

 
Top