2
Compramos um Zoológico, o novo trabalho do diretor Cameron Crowe (de Vanilla Sky), surpreende em vários aspectos. O roteiro sensível baseado em uma história real é um deles. O longa encanta e faz refletir sobre a vida, sobre erros e acertos, sobre perdas e ganhos, sobre seguir em frente. O filme trata de família e relacionamentos com um drama bem acertado e algumas pitadas de comédia.

 

Matt Damon dá vida a Benjamin Mee

 

No longa, Matt Damon (de Happy Feet 2: O Pinguim) é Benjamin Mee. Um homem jovem marcado pela dor da perda recente de sua esposa. Com dois filhos e inúmeras situações que insistem em dar errado, principalmente com seu filho adolescente, ele abandona sua carreira de jornalista e resolve recomeçar. Na busca por uma nova vida, compra um jardim zoológico e se esmera em recuperá-lo. Benjamin passa a morar no local com seus filhos, onde também convivem os funcionários do zoo, comandados pela zeladora chefe do lugar, Kelly Foster (Scarlett Johansson, de Homem de Ferro 2). São os desafios e os conflitos internos de cada personagem, principalmente os de Benjamin, que trazem à tona toda carga de sensibilidade dessa interessante produção.

 

Show de interpretação em Compramos um Zoológico

 

Os méritos do longa ficam para os atores Matt Damon e a cheia de personalidade Maggie Elizabeth Jones, que interpreta a pequena e cativante Rosie, filha de Benjamin. O experiente ator imprime sentimento ao personagem e às cenas mais marcantes do filme. Boa parte das risadas fica por conta de Thomas Haden Church, que dá vida ao nada convencional irmão mais velho de Benjamin. Já Scarlett Johansson não se destaca como Kelly, já que a personagem fica um pouco perdida no roteiro, que tenta forçar um romance pouco convincente com o personagem de Damon. Esse detalhe, entretanto, não tira o mérito de Compramos um Zoológico. Recomendo! 


Pontos fortes:

Direção de Cameron Crowe, atuações de Matt Damon e Maggie Elizabeth Jones, além da super trilha sonora recheada de grandes artistas, como Pearl Jam, Neil Young, Led Zeppelin, Simon e Garfunkel e U2, entre outros.

Nota: 9

Ficha Técnica 

Compramos um Zoológico (We Bought a Zoo) - 124 min 

EUA - 2011

Direção: Cameron Crowe 
Roteiro: Cameron Crowe, Aline Brosh Mckenna 
Elenco: Matt Damon, Scarlett Johansson, Thomas Haden Church, Maggie Elizabeth Jones, Colin Ford

Estreia: 23 de dezembro

Compartilhe este conteúdo |

O Cinema está na Rede e também no Twitter O Cinema está na Rede e também no Facebook

Postar um comentário

  1. Eu não concordo que o romance entre Scarlett e Damon tenha sido forçado, já que o beijo só ocorreu no final do filme. O romance acabou fluindo naturalmente pela convivência diária dos personagens...

    Interessante é notar o antagonismo: Damon o inseguro, Scarlett a forte. Sempre pronta pra salvá-lo a cada problema que acontecia no zoológico. Acho que os dois se completam.

    ResponderExcluir
  2. Um filme maravilhoso e extremamente otimista. A forma acertada de condução do diretor, de não entrar no engano de dramatizar demais determinadas cenas para tentar expor mais os sentimentos de perda da familia Mee, para mim define bem o filme. Ainda q tenha problemas para definir personagens secundários q aparecem pouco e com menos diálogos ainda, nada muito sério q venha dar uma contorno negativo ao filme, q por opção do roteiro prioriza os excelentes diálogos entre os principais. O lance do romance "forçado" no meu ver, não teve nada de forçado, uma vez q o intuito do diretor tenha sido a volta por cima da família Mee e o âmbito de levantar o zoológico; já vejo q o primeiro passo do "compreendo sua dor e estou aqui caso precise" já foi dado, e é algo particular do personagem, demonstrar q aquilo pode sim ter um futuro, mas sem pressa alguma, oq pode ser algo muito bom, pq ainda existe uma ferida q está sendo sicatrizada. Belíssima trilha sonora q consegue fazer seu papel perfeitamente, de conduzir melhor uma cena e levar o publico a sentir cada toque do filme. Para mim é nota 10 para uma condução bem trabalhada, personagens carismáticos e trilha bem construída.

    ResponderExcluir

 
Top