0

Na terceira parte de uma trilogia sobre a formação histórica, política e cultural de Brasília, o cineasta Vladimir Carvalho investiga as origens de algumas das grandes bandas de rock que despontaram no cenário musical brasileiro na década de 1980. Realizado a partir de imagens de arquivo do próprio diretor e depoimentos dos maiores protagonistas do período, Rock Brasília mostra o nascimento de muitas pérolas da música brasileira, como Que País é Esse?, eternizada na voz de inúmeros intérpretes e bandas.

O documentário é estruturado a partir de depoimentos recentes dos músicos. Figuras como Dado Villa-Lobos, Marcelo Bonfá, Dinho Ouro Preto, e Flávio Lemos, Philippe Seabra e até mesmo o professor Briquet de Lemos, nos ajudam com palavras a viver ou reviver, no caso de alguns os momentos de formação, ascensão e consagração de três das maiores bandas de Brasília: Legião Urbana, Capital Inicial e Plebe Rude. A cereja do bolo fica por conta dos depoimentos e imagens inéditas de Renato Russo, sem dúvida o maior ícone daquele período da música brasiliense.

A partir da abrupta mudança de cidade os pais haviam se transferido a trabalho para a recém inaugurada capital –, os laços de amizade entre os então garotos se formaram por alguns pontos comuns: o ócio, o interesse pela música, a necessidade de se expressar e uma efervescência política vivida no cerne dos campi da UNB. É lá, sob a sombra de um dos maiores bastiões da resistência à ditadura, que brota a semente da rebeldia de letras que conhecemos até hoje, e que continuam incrivelmente atuais.

Apesar de ser um filme sobre o rock'n roll, o ritmo impresso é o tradicional dos documentários. Tranquilo, alternando entrevistas com imagens de arquivo e menos música do que se poderia esperar, e, ainda assim, eletrizante. Quase uma aula de história, na qual recebemos pouco a pouco fatos e informações, até que, como num passe de mágica, tudo se mistura e faz sentido. Podemos ver claramente a mensagem que não é só do diretor: é de uma geração inteira. Assistir a Rock Brasília, a Era de Ouro é como uma viagem no tempo, para alguns. Para outros, principalmente os mais jovens, é descobrir uma história da qual ainda ouvimos os ecos e que, por várias razões, permanece atual. 


Compre nos EUA e receba na sua casa 


Rock Brasília, Era de Ouro – 111 min 
Brasil – 2011 
Direção e Roteiro: Vladimir Carvalho 
Com: Dado Villa-Lobos, Marcelo Bonfá, Philipe Seabra, Renato Russo, Dinho Ouro Preto, Fê e Flávio Lemos, Herbert Vianna, João Barone, Bi Ribeiro, Caetano Veloso 

Em cartaz no Festival do Rio 2011
Estreia (circuito): 21 de outubro

Compartilhe este conteúdo |

O Cinema está na Rede e também no Twitter O Cinema está na Rede e também no Facebook

Postar um comentário

 
Top