0

Depois de ver um filme de terror – Equador 1x1 Brasil –, resolvi assistir a uma comédia, para relaxar e rir um pouco.
Adoro o trabalho de Kevin Smith. Suas comédias urbanas, com piadas escatológicas e referências à cultura pop, são irresistíveis. Para quem não está ligando o nome à pessoa, foi ele quem dirigiu O Balconista, Barrados no shopping, Procura-se Amy, entre outros, e criou a impagável dupla Jay e Silent Bob, presente em seis de seus filmes. Inclusive, Silent Bob é interpretado pelo próprio Kevin Smith.
Pagando bem, que mal tem?, sua mais nova produção, já está em cartaz nos cinemas. O título original, que você pôde conferir no cartaz acima, fala muito mais pelo filme do que o título adaptado para o português.
Zack e Miri são amigos da época de colégio e dividem um apartamento. Ao contrário da maioria de seus ex-colegas e, segundo uma determinada visão do que é se dar bem na vida, eles não são bem sucedidos. Não têm bons empregos, não se casaram, ela é lembrada por um apelido chulo, ele nem é lembrado, um vídeo constrangedor de Miri faz sucesso na Internet... Mas o pior é que eles não têm dinheiro nem para pagar suas contas.
Justamente por isso, eles ficam sem água e sem luz, às vésperas do Dia de Ação de Graças. Zack resolve usar sua criatividade e tem uma "brilhante" ideia: fazer um filme pornô pode deixá-los ricos.
Mas nem tudo acontece como planejado. Eles não esperavam que o sexo transformaria uma amizade tão sólida em outra espécie de sentimento. 
E agora? Como eles vão lidar com esta situação?
Quer saber? Se te deixei curioso, caro leitor, veja o filme. Garanto que irá se divertir.

Por: Mattheus Rocha

Postar um comentário

 
Top